De volta ao America, Ciro revela que nunca deixou de acompanhar o clube | Marcio Menezes/Divulgação

Após roubar a cena na despedida de Romário, Ciro vibra com retorno ao America

As contratações para a disputa da fase preliminar do Campeonato Carioca trouxeram de volta um velho conhecido da torcida americana. Depois de ter sido campeão da Série B em 2009 e, no ano seguinte,  ter ajudado a equipe a concluir a campanha de retorno à elite em um honroso quinto lugar, o zagueiro Ciro Sena, de 35 anos, que disputou a Série D do Campeonato Brasileiro pelo Guarany de Sobral-CE, vestirá novamente a camisa do Diabo.

Na passagem anterior pelo America, Ciro teve boas atuações e ficou marcado por roubar a cena de Romário. Quando o clube já havia garantido o acesso e o título da competição, o baixinho, então manager do futebol rubro, decidiu ir a campo com a camisa 11, para cumprir a promessa feita ao pai, Edevair, de encerrar a carreira pelo clube.

Romário entrou no segundo tempo do jogo contra o Artsul. Foi justamente o período reservado pelo zagueiro para brilhar. Em dois lances muito parecidos, ele subiu para, de cabeça, completar lançamentos e marcar os dois gols que garantiram a vitória por 2 a 0, o título da Série B e a festa americana no Estádio Giulite Coutinho. Memórias que vivem em vermelho e branco em sua memória.

—Nunca mais deixei de acompanhar o America nesses sete anos feitos desde minha primeira passagem. É um clube onde fui muito feliz, espero fazer história novamente, com meus novos companheiros. Estou muito contente com esse retorno. Sabemos do desafio que teremos nessa fase preliminar. O America sempre que entra nas competições, entra em busca de algo importante, como título e acesso. Estamos trabalhando com muito foco e afinco para nos classificarmos — afirma.

TEMPORADAS QUE DEIXARAM SAUDADE

Ciro foi um dos jogadores indicados por Romário ao America em 2009. O baixinho e o zagueiro chegaram a jogar juntos no Vasco. Marcar dois gols no jogo em que o “chefe” fazia sua despedida oficial dos gramados teve sabor especial para o atleta nascido em São João da Barra, revelado pelo Americano de Campos.

No vídeo abaixo, é possível rever os gols e a entrevista emocionada concedida pelo atleta na ocasião.

— Todo o grupo sabia da importância daquele jogo, da importância de todos nós podermos entrar para história do America. E tinha também a volta do Romário aos gramados depois de um tempo. Todos os holofotes estavam voltados para ele, mas papai do céu me presenteou com os dois gols do título que foi um momento mágico e único pra mim — analisa.

Com a experiência acumulada em passagens por Vasco, Moreirense (Portugal), Fortaleza-CE, ABC-RN e Boa Esporte-MG, o zagueiro espera contar com a força da torcida para impulsionar o elenco na batalha por uma vaga na fase final da competição.

— Tenho um carinho muito grande pelo America e ficava sempre torcendo de longe.  Então, vestir essa camisa outra vez é muito gratificante. Espero o apoio dos torcedores, para que tudo dê certo. Se caminharmos juntos, equipe e torcedores, tudo vai dar certo e vamos conquistar esse êxito — conclui o zagueiro.

O America estreia na fase preliminar do Campeonato Carioca contra o Bonsucesso, no Estádio Giulite Coutinho. A Ferj ainda vai confirmar se a partida acontece dia 20 ou 21 de dezembro. Também participam da disputa, que oferece duas vagas na fase final da competição, Cabofriense, Goytacaz, Macaé e Resende.