Com golaço no fim, Botafogo derrota o Grêmio pelo Brasileirão

O lateral-esquerdo Gilson acertou uma finalização de rara felicidade e decidiu a partida para o Fogão | Vitor Silva (SS Press / Botafogo)

Três semanas após ser campeão Carioca com gol nos acréscimos, o Botafogo repetiu a façanha neste sábado (28) e derrotou o Grêmio por 2 a 1, com uma pintura de Gilson nos minutos finais, no Estádio Nilton Santos, pela terceira rodada da Série A do Brasileiro. Enfrentando o time misto do Tricolor, o Glorioso dominou as ações da partida e foi recompensado no final com um golaço marcado pelo lateral-esquerdo.

Com o resultado, o time de General Severiano assumiu a segunda colocação do Brasileirão com cinco pontos somados. O Grêmio caiu para o oitavo lugar com 4 pontos.

O Botafogo dominou o primeiro tempo da partida. Logo no minuto inicial, Matheus Fernandes finalizou na trave. O Glorioso ainda obrigou Paulo Victor a fazer duas boas defesas. Porém, aos 34, o goleiro Tricolor não conseguiu evitar o gol de Brenner. O atacante cortou a marcação de Madson e finalizou no cantinho: 1 a 0 Fogão. Apesar do domínio, o Time de General Severiano não sustentou a vantagem. Aos 37, Michel subiu com Igor Rabello, que tocou na bola e balançou as redes de Jefferson: 1 a 1.

Na segunda etapa, o Grêmio equilibrou as ações. Entretanto, o time misto de Renato Gaúcho esbarrava na falta de entrosamento para construir as jogadas, além de contar com Luan em tarde pouco inspirada. Inclusive, o meia-atacante do Imortal perdeu a melhor oportunidade do time. André acionou Madson na direita, o lateral cruzou para a entrada da área e Luan, livre, isolou.

Sem o mesmo ímpeto ofensivo da etapa inicial por parte do Botafogo, a partida parecia encaminhar para o empate. Mas, não se pode ter desatenção com o Glorioso nos minutos finais. Aos 46, Ezequiel pegou rebote em cobrança de escanteio e ajeitou para Gilson, de muito longe, acertar o ângulo de Paulo Victor e marcar um golaço: vitória do Fogão por 2 a 1.

O Botafogo volta a campo pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro no próximo domingo (06), contra o Cruzeiro, às 16h, no Mineirão. O Grêmio enfrenta o Santos no mesmo dia, às 19h, na sua própria arena.

Botafogo 2 × 1 Grêmio

Estádio Nilton Santos (Rio de Janeiro)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP/CBF)

Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP/CBF) e Bruno Salgado Rizo (SP/CBF)

Botafogo: Jefferson; Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello, Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Leonardo Valencia (Marcos Vinicius), Renatinho; Rodrigo Pimpão (Ezequiel), Brenner (Kieza). Técnico: Alberto Valentim.

Grêmio: Paulo Victor;Madson, Paulo Miranda, Bressan, Marcelo Oliveira; Michel (Cícero), Jailson, Alisson, Luan (Pepê), Maicosuel (Lima); André. Técnico: Renato Gaúcho.

Cartões amarelos: Joel Carli(Botafogo) Marcelo Oliveira (Grêmio)

Cartão vermelho: Não houve

Gols: Brenner – Botafogo (35/1º tempo); Michel – Grêmio (37 /1º tempo); Gilson – Botafogo (46/2º tempo)

Público: 8498 pagantes e 10748 presentes

Renda: R$ 248.845.