Em clássico morno, Vasco e Fluminense ficam no empate em São Januário

O clássico entre Vasco e Fluminense, na noite desta quinta-feira (19), em São Januário, esteve longe de ser um primor técnico. Corrido, disputado, mas repleto de erros, o duelo válido pela décima terceira rodada do Campeonato Brasileiro terminou empatado em 1 a 1, graças ao oportunismo de dois centroavantes: Andrés Ríos, pelo lado do Cruz-Maltino, e Pedro, pelo Tricolor.

O resultado manteve os dois rivais no meio da tabela da competição nacional. O Vasco com 16 pontos é o décimo primeiro colocado, porém com um jogo a menos; enquanto o Fluminense tem 15 pontos e está na décima segunda posição.

Nos primeiros 45 minutos de partida não faltou vontade dos jogadores, mas a parte técnica esteve bem abaixo do esperado para um clássico. Tanto Vasco quanto Fluminense aceleraram demais o jogo e mostraram pouca organização ao longo da primeira etapa da partida. Apesar disso, o Tricolor foi melhor no primeiro tempo e encontrou mais espaços, mas não conseguiu abrir o marcador em São Januário.

Na etapa final, os centroavantes foram dos poucos a se salvar num clássico que seguiu com um ritmo ruim. Entretanto, o Cruz-Maltino equilibrou o confronto e saiu na frente. Pelo Vasco, Ríos cumpriu bem seu papel, tentou tabelar, criar jogadas e acabou premiado com um gol. Aos 15 minutos, aproveitando falha de Julio Cesar, o atacante vascaíno bateu de primeira e abriu o placar em São Januário: 1 a 0 para o Gigante da Colina.

Apesar de ter saído o Vasco não conseguiu segurar a vantagem até o fim. A partir dos 20 minutos, O goleiro do Cruz-Maltino passou a ser um dos destaques do time na partida, fazendo pelo menos três grandes defesas que impediram o gol do Fluminense. Mas, no fim da partida, acabou sendo superado por Pedro, que também lutou muito pelo lado tricolor. Aos 44, o camisa nove da equipe das Laranjeiras ganhou de Breno e Ricardo e chutou na saída de Martín Silva para empatar o clássico: 1 a 1.

Agora, ambos os times voltam a campo no próximo domingo (22). O Tricolor visita o Sport, às 16h, e o Cruz-Maltino recebe o Grêmio em São Januário, no mesmo horário.

Vasco 1×1 Fluminense

Estádio de São Januário (Rio de Janeiro – RJ)

Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro (SP)

Asssistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

Vasco: Martin Silva; Luiz Gustavo, Breno, Ricardo Graça e Henrique; De´sbato, Andrey, Wagner (Evander), Giovanni Augusto (Kelvin) e Yago Pikachu; Andrés Ríos (Bruno Silva). Técnico: Jorginho.

Fluminense: Júlio César; Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Jadson, Dodi (Matheus Alessandro) e Sornoza (Pablo Dyego); Marcos Júnior e Pedro. Técnico: Marcelo Oliveira.

Cartões amarelos: Wagner, Luiz Gustavo e Andrés Ríos (Vasco); Dodi, Jadson (Fluminense).

Gols: Andrés Ríos – Vasco (16’/2º tempo) e Pedro – Fluminense (44/2º tempo).

Público: 11.381 pagantes e 11.901 presentes

Renda: R$ 242.405,00