Em grande fase no Brasil, Elismar Carrasco busca reconhecimento internacional

Campeão peso-pena do Future MMA, Elismar espera brilhar fora do país

Vivendo um momento único na carreira, Elismar Lima da Silva ou simplesmente “Carrasco”, busca alcançar voos mais altos na carreira. Campeão peso-pena do Future MMA no último mês de outubro, quando venceu Rafael Coxinha, o atleta goiano se consagrou como o primeiro detentor do título da divisão da história do evento.

Embalado por 5 vitórias consecutivas, o atleta venceu além de Coxinha, nomes como Khasan Askhabov e Guilherme Faria em suas últimas apresentações, o coloca no radar dos grandes eventos internacionais:

— No meu ponto de vista sim, fiz o meu melhor venho batalhando, treinando e conquistando vitórias, não tenho mais nada que provar pra ninguém mais estou sempre pronto pro que vier e quem vier.

Representante da Junão Fighters, Elismar Carrasco anotou no Future MMA a vigésima segunda vítima na carreira. De estilo agressivo no cage, Elismar já nocauteou 12 rivais no cage, sendo 10 no primeiro round. Vencedor de 9 dos últimos 10 combates que fez na carreira, o lutador se tornou o atleta a ser batido no cenário brasileiro.

Foto: Future MMA

Sobre o atual momento que vive na carreira, Elismar respondeu se acredita que vive agora no ano de 2020 o auge da forma como atleta:

— Me sinto muito bem independente da minha idade, estou bem preparado fisicamente e mentalmente, sou completo sim, porém nós atletas estamos sempre em constante aprendizado, conhecimento nunca é demais — destacou Carrasco.

Aos 32 anos, Carrasco quer provar que não é tarde pra sonhar e ir atrás dos seus sonhos, o atleta que até pouco tempo conciliava os treinos na academia com o trabalho como lombador de boi em Goiânia é uma prova viva de superação dentro e fora do cage. De olho em outros grandes eventos internacionais como o LFA, ONE, e o Bellator, além do objetivo de quase todo lutador que é estar no UFC, o goiano espera que a sua chance de brilhar fora do Brasil esteja próxima de chegar:

— O principal foco agora é buscar uma vaga lá fora, como todo atleta não sou diferente, a meta pra 2021 com a permissão de Deus é crescer e fazer meu nome ser reconhecido no mundo — finalizou Carrasco.

Além das conquistas recentes, o goiano atualmente ainda ostenta a primeira colocação no ranking do site “Tapology” na classificação dos atletas que atuam no Brasil, além de liderar a categoria peso-pena e peso-por-peso no “Ranking Nacional de MMA”.