Fabrício marca nos acréscimos, Vasco bate o Flu e vai à final do Carioca

Após ser vaiado durante boa parte do jogo, Fabrício marcou o gol da vitória do Vasco nos acréscimos e levou o Cruzmaltino à final | Paulo Fernandes (CRVG)

Apesar das vaias durante grande parte da partida, Fabricio deixou o Maracanã na noite desta quinta-feira (29), como herói. O lateral-esquerdo do Vasco fez o gol da vitória do Cruzmaltino por 3 a 2 sobre o Fluminense aos 50 minutos do segundo tempo, em duelo válido pela semifinal do Campeonato Carioca e levou o Gigante da Colina à decisão do Estadual, contra o Botafogo.

O primeiro jogo da final será no próximo domingo (01), e o duelo de volta, acontece no domingo seguinte, dia 08 de abril. Não há vantagem de resultados iguais para nenhuma das duas equipes.

Precisando vencer o Fluminense, que jogava pelo empate, o Vasco começou melhor. Forçando o jogo pela direita, criou boas chances até chegar ao gol, aos 26, em linda jogada de Pikachu que Giovanni Augusto completou para o fundo das redes: 1 a 0 para o Cruzmaltino.

Sornoza marcou um dos gols do Fluminense na partida, mas o gol de Fabrício nos acréscimos garantiu o Vasco na final do Estadual | Paulo Fernandes (CRVG)

O domínio do Gigante da Colina, porém, ruiu na primeira boa jogada do Fluminense na etapa inicial, quando Gilberto aproveitou indefinição entre Wagner e Fabricio na marcação e cruzou para Pedro, de primeira, empatar, aos 38 minutos: 1 a 1 no Maracanã. A partir dali, o Vasco se desorganizou, e o Tricolor melhorou. A virada tricolor veio aos três minutos da etapa final, em cobrança de falta de Sornoza – Paulão e Erazo falharam na barreira – a bola ainda bateu na trave, mas morreu dentro do gol defendido por Martín Silva: Fluminense 2 a 1.

A partida ficou à feição para o Fluminense, que desperdiçou muitos contra-ataques e acabou sendo castigado. Mais na base da raça, do que na organização, o Vasco reagiu no fim: primeiro, com Paulinho que empatou aos 24, em belo chute de fora da área. E, aos 50 minutos, no último lance de perigo da semifinal, com Fabricio que acertou forte chute diagonal dentro da área e garantiu a virada do Gigante da Colina: 3 a 2

FINAL SEM OS CAMPEÕES

O Campeonato Carioca de 2018 será decidido por duas equipes que não venceram os turnos. Enquanto o Vasco eliminou o Fluminense, campeão da Taça Rio, o Botafogo tirou o Flamengo, que levantou o caneco da Taça Guanabara. Em 2017, a final disputada entre Flamengo e Fluminense, tinha o Tricolor das Laranjeiras como campeão da Taça Guanabara. O Vasco, campeão da Taça Rio, ficou de fora.

Fluminense 2×3 Vasco
Estádio do Maracanã (Rio de Janeiro)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá
Assistentes: Silbert Faria Sisquim e Eduardo de Souza Couto
Fluminense: Júlio César; Renato Chaves, Gum e Ibañez; Gilberto, Richard, Jadson, Sornoza (Douglas) e Ayrton Lucas; Pedro (Pablo Dyego) e Marcos Junior (Marlon). Técnico: Abel Braga.
Vasco: Martín Silva; Rafael Galhardo (Andrés Rios), Paulão (Thiago Galhardo), Erazo e Fabrício; Desábato, Wellington, Wagner (Paulinho), Yago Pikachu e Giovanni Augusto; Riascos. Técnico: Zé Ricardo.
Cartões amarelos: Renato Chaves, Ibañez, Richard e Marcos Junior (Fluminense); Martín Silva, Rafael Galhardo, Paulão, Fabrício, Wellington e Riascos (Vasco)
Cartões Vermelhs: Não houve
Gols: Giovanni Augusto, 24’/1ºT (0-1); Pedro, 36’/1ºT (1-1); Sornoza, 3’/2ºT (2-1); Paulinho, 24’/2ºT (2-2); Fabrício, 49’/2ºT (2-3)
Público: 18.999 pagantes e 21.788 presentes
Renda: R$ 580.325,00