Ferj revoga profissionalizações provisórias de 4 clubes

Brasileirinho enfrenta o America em jogo do Carioca Feminino: derrota por 2 a 1 | Thierry Silva/Divulgação
Brasileirinho enfrenta o America em jogo do Carioca Feminino: derrota por 2 a 1 | Thierry Silva/Divulgação

O Rio de Janeiro amanheceu com três clubes de futebol profissional a menos. A Ferj anunciou nesta segunda-feira a revogação do status de quatro clubes, que tinham recebido profissionalização provisória mas, por não terem atendido a todos os requisitos da entidade, inclusive financeiros, tiveram sua condição revertida para amadora. São eles: Atlético Carioca, Brasileirinho, Estrela do Norte (São Fidélis) e Porto Real.

Dos quatro, apenas o Brasileirinho, de Anchieta, Zona Norte do Rio, tem história para contar na temporada. O clube foi incluído no Campeonato Carioca da Série C, equivalente à quarta divisão mas, sem atletas regularizados no Boletim Informativo de Registro de Atletas (Bira), perdeu três jogos por WO e foi punido com a exclusão da disputa, como prevê o Regulamento Geral de Competições, sem sequer ter entrado em campo.

A temporada do Brasileirinho limitou-se ao Campeonato Carioca Feminino, no qual, representado por atletas do Corte Oito, de Duque de Caxias. O time auriverde ficou na quarta posição, entre sete equipes participantes. Como é da cidade do Rio, o Brasileirinho terá que disputar o Campeonato Amador da Capital em 2018. O Atlético Carioca voltará para as competições promovidas pela Liga Gonçalense de Desportos, o Estrela do Norte para as da Liga Fidelense de Desportos e o Porto Real para as disputas da Liga Desportiva de Porto Real.

Em novembro, a Ferj havia anunciado a desfiliação de 16 clubes por inatividade prolongada. Neste caso, não há reversão de vínculo para amador: Apollo (Arraial do Cabo), América (Três Rios), Aperibeense, Atlético Rio, Rio Branco (Campos), Condor (Queimados), La Coruña, Marinho, Everest, Fênix (Barra Mansa), Imperial (Petrópolis), Nilópolis, Quissamã, Rio das Ostras, São Pedro (São Pedro da Aldeia) e Três Rios.