Fla só empata com Palmeiras e vantagem na liderança cai para quatro pontos

Cuéllar foi um dos jogadores do Flamengo expulsos de campo na confusão ao fim da partida | Staff Images (Flamengo)

Palmeiras e Flamengo empataram em 1 a 1, na noite desta quarta-feira (13), na arena do Verdão, no confronto entre dois dos grandes favoritos ao título do Campeonato Brasileiro de 2018. Willian abriu o placar no primeiro tempo, e Thuler empatou no segundo. O jogo bem disputado acabou marcado por uma confusão já nos acréscimos que resultou em seis jogadores expulsos (Dudu, Jailson e Luan pelo lado palmeirense; Cuéllar, Jonas e Henrique Dourado dos flamenguistas).

O resultado é favorável ao líder Flamengo, que vai para a paralisação para a Copa do Mundo com 27 pontos, quatro de vantagem para Atlético-MG e São Paulo. Além disso, mantém um adversário direto a oito pontos de distância, o Palmeiras.

O Verdão encurralou o Flamengo no início da partida e não demorou a criar lances de perigo. Willian, aos quatro, exigiu linda defesa de Diego Alves. No minuto seguinte, o Bigode só completou desvio de Bruno Henrique e abriu o placar: 1 a 0 Palmeiras. Depois do gol, o Verdão diminuiu o ritmo e permitiu que o Rubro-Negro melhorasse gradativamente. Vinicius Junior ganhou praticamente todas de Marcos Rocha e deu início ao lance que Everton Ribeiro quase empatou, mas Jailson espalmou para fora.

Assim como na etapa inicial, o Palmeiras voltou do intervalo sufocando, mas esbarrou em ótimas defesas de Diego Alves após finalizações de Willian e Edu Dracena. Quando atacou, o Flamengo foi fatal, aos nove. Thuler subiu nas costas de Thiago Martins e cabeceou para empatar: 1 a 1 na Arena. Logo em seguida, Vinicius Junior teve a chance para virar, mas Thiago Martins tirou antes que a bola entrasse. Everton Ribeiro também levou perigo ao bater colocado bem perto da trave. Nos acréscimos, uma confusão generalizada resultou em seis expulsos. Entre eles, Jailson, obrigando Moisés a ir para o gol. Por sorte do Palmeiras, o árbitro Bráulio Machado encerrou a partida pouco tempo depois.

Thuler marcou seus primeiro gol como profissional do Flamengo no empate diante do Palmeiras | Staff Images (Flamengo)

ENTENDA A CONFUSÃO

No fim da partida, um desentendimento entre Cuéllar e Dudu deu início a uma grande confusão entre os jogadores dos dois times. O atacante do Palmeiras se revoltou ao sofrer uma falta e partiu para cima do adversário colombiano. Com a chegada dos outros atletas, o tumulto aumentou. Entre muito bate-boca, Jailson agarrou Jonas pelo pescoço e depois foram contidos. O saldo foi de seis expulsos pelo árbitro Bráulio Machado: Jailson, Dudu e o reserva Luan, pelo lado do Palmeiras; Cuéllar, Jonas e o reserva Henrique Dourado, pelo lado do Flamengo.

Palmeiras 1×1 Flamengo

Allianz Parque (São Paulo)

Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)

Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Neuza Ines Back (SC)

Palmeiras: Jailson; Marcos Rocha, Edu Dracena, Thiago Martins, Victor Luis; Felipe Melo (Artur), Bruno Henrique, Moisés; Hyoran (Lucas Lima), Dudu e Willian. Técnico: Roger Machado.

Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Thuler, Léo Duarte, Renê; Cuéllar, Jean Lucas (Willian Arão), Lucas Paquetá, Everton Ribeiro (Jonas), Vinicius Junior; Felipe Vizeu (Marlos Moreno). Técnico: Maurício Barbieri.

Cartões amarelos: Moisés, Felipe Melo, Victor Luís, Marcos Rocha (Palmeiras); Éverton Ribeiro, Rodinei, Felipe Vizeu, Diego Alves, Vinícius Júnior (Flamengo)

Cartões vermelhos: Dudu, Jaílson e Luan (Palmeiras); Cuéllar, Jonas e Henrique Dourado (Flamengo)

Gols: William – Palmeiras (05’/1º tempo) e Thuler – Flamengo (09’/2º tempo)

Público: 36.882 presentes

Renda: R$ 2.598.847,44