Flu bate o Vitória de virada e está no G6 do Brasileirão

O lateral Gilberto marcou o gol da virada e deu a primeira vitória fora de casa para o Flu | Lucas Merçon (FFC)

O Fluminense bateu o Vitória, de virada, por 2 a 1, neste domingo (06), no estádio Barradão, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor das Laranjeiras não se intimidou e pareceu jogar em casa. O Vitória optou por uma postura exageradamente defensiva e viu os visitantes conseguiram o triunfo de virada por 2 a 1, com gols de Pablo Dyego e Gilberto após Neílton balançar a rede.

Com o resultado, o Fluminense chega aos sete pontos  e está em sexto lugar, na zona de classificação para a Libertadores. Enquanto os baianos ficam com apenas um ponto e amargam a zona de rebaixamento na penúltima posição.

Mesmo atuando fora de casa, o Fluminense teve 68% de posse de bola na primeira etapa, dominou as ações, mas se mostrou quase inofensivo no ataque. De oito finalizações, apenas uma foi em direção ao gol, em cobrança de falta de Marlon. O Vitória, que optou por ficar mais fechado, conseguiu sair na frente do placar, aos 20,  em ótima trama de Jeferson que terminou em cruzamento rasteiro e finalização de Neílton sem defesa para Júlio César: 1 a 0.

Abel lançou Pablo Dyego na vaga de Marcos Junior para a segunda etapa, mas o Flu continuou sofrendo com a falta de inspiração. Mas a postura do Vitória era tão defensiva que o Tricolor foi, aos poucos, chegando. E conseguiu merecidamente o empate aos 27, quando Pedro rolou para Pablo Dyego bater firme. O Vitória saiu mais para o jogo, e o Flu teve mais espaços para criar chances até conseguir a virada com Gilberto, de cabeça após cobrança de escanteio, aos 40:  2 a 1 para o Fluzão.

O Fluminense entra em campo novamente pelo Brasileiro para jogar o clássico contra o Botafogo, na segunda-feira (14), às 20h, no Engenhão. Antes, o Tricolor tem o jogo de volta da primeira fase da Sul-Americana, contra o Nacional de Potosí, na Bolívia. Na ida, o Flu venceu por 3 a 0.

VITÓRIA 1 x 2 FLUMINENSE

Estádio Barradão (Salvador – BA)

Árbitro: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)

Assistentes:  Helton Nunes (SC) e Alex dos Santos  (SC)

Vitória: Caíque; Jeferson, Kanu, Aderllan (Ramon), Pedro Botelho; Uillian Correia,Rhayner, Yago (Luan); Neilton (Alex Baumjohann), Wallyson, Denilson. Técnico: Vagner Mancini

Fluminense: Julio Cesar; Gilberto, Renato Chaves, Frazan, Nathan Ribeiro, Marlon; Richard, Jadson (Robinho), Sornoza; Marcos Junior (Pablo Dyego), Pedro (Dodi). Técnico: Abel Braga

Cartões amarelos: Kanu (Vitória) Jadson (Fluminense)

Cartões vermelhos: Não houve

Gols: Neilton – Vitória (20’/1º tempo);  Pablo Dyego – Fluminense (27’/2º tempo); Gilberto– Fluminense (40’/2º tempo)