Flu empata com Fla no Nilton Santos e pega o Botafogo na final da Taça Rio

Em um jogo bastante movimentado na noite desta quinta-feira (22), no Estádio Nilton Santos, na Zona Norte do Rio, o Fluminense saiu na frente na bola parada, segurou o empate em 1 a 1 após pressão do Flamengo, fez valer a vantagem conquistada na fase de grupos da Taça Rio e está na final do segundo turno do Campeonato Carioca, em que vai enfrentar o Botafogo, no próximo domingo (25), às 16h, no Maracanã. Gum, de cabeça, abriu o placar para os tricolores, e Everton, em belo chute de fora da área, igualou para os rubro-negros.

Em um primeiro tempo com mais chances para o time da Gávea – Henrique Dourado atrapalhou Diego em um lance e foi parado por grande defesa de Júlio César no outro -, foi o Tricolor quem conseguiu colocar a bola na rede. Em escanteio aos 45 minutos, Gum subiu livre e colocou no canto do Diego Alves, que titubeou e saiu mal do gol na hora da cobrança.

Em lindo chute de fora da área Everton marcou o gol do Fla na partida, mas não foi o suficiente para evitar a eliminação rubro-negra | Lucas Merçon (FFC)

Na etapa final, o time de Abel Braga explorou os contra-ataques, e perdeu oportunidades de ampliar o placar nas boas oportunidades que teve com Pedro e Gilberto. Chegou a balançar a rede com Gum novamente, mas a arbitragem assinalou impedimento. Já no fim, aos 40 minutos, Everton acertou belo chute de fora e deixou tudo igual: 1 a 1 no clássico.

O Fla ainda pressionou bastante, teve grande chance com Vinicius Junior aos 46, mas não conseguiu a virada e saiu do Nilton Santos eliminado da Taça Rio. Agora, o time do técnico Paulo César Carpegiani assistirá a final do segundo turno entre Fluminense e Botafogo, enquanto aguarda para saber quem será seu adversário na semifinal do Campeonato Carioca. Em caso de título do Tricolor, Flamengo e Vasco fazem uma das semifinais e Fluminense e Botafogo a outra. Se o Alvinegro de General Severiano vencer a Taça Rio, teremos Fla e Flu duelando por um lugar na final e Botafogo e Vasco na outra semifinal.

 

Fluminense 1×1 Flamengo

Estádio Nilton Santos (Rio de Janeiro)

Árbitro: Maurcio Machado Coelho Junior

Assistentes: Dibert Pedrosa Moises e Eduardo de Souza Couto

Fluminense: Júlio César; Reginaldo, Gum e Ibañez; Gilberto, Richard (Douglas), Jadson, Sornoza e Ayrton Lucas; Marcos Junior (Pablo Dyego) e Pedro (Marlon). Técnico: Abel Braga.

Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Réver, Juan e Renê (Vinícius Júnior, intervalo); Jonas; Lucas Paquetá, Diego, Éverton Ribeiro (Cuellar) e Éverton; Henrique Dourado (Felipe Vizeu). Técnico: Paulo César Carpegiani.

Cartões amarelos: Pedro (Fluminense); Everton Ribeiro, Rever e Jonas (Flamengo)

Cartões vermelhos: Não houve

Gols: Gum – Fluminense (45/1º tempo); Everton – Flamengo (40/2º tempo)

Público: 16.923 pagantes e 18.627 presentes

Renda: R$ 548.310,00