Fluminense bate a Chape no Maracanã e é vice-líder do Brasileiro

Fim do tabu! Depois de nove jogos, o Fluminense, enfim, conseguiu sua primeira vitória sobre a Chapecoense na história. O triunfo veio na tarde deste sábado (26), no Maracanã, com placar de 3 a 1, em partida válida pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Tricolor das Laranjeiras assumiu a vice-liderança da principal competição nacionalcom 13 pontos em sete rodadas.

Depois de um começo morno, os donos da casa tomaram conta da partida. O primeiro gol veio aos 21 minutos. Após boa jogada de Marcos Jr pela esquerda, Gilberto chutou prensado e Pedro completou para o fundo das redes: Fluminense 1 a 0. Pouco tempo depois, o segundo: Jadson deu lindo lançamento, o zagueiro Elicarlos cabeceou para trás e traiu o goleiro Jandrei, deixando Marcos Jr sozinho para ampliar. Os dois gols em sequência fizeram a Chape acordar. Na sequência, Canteros acertou o travessão em um lance, e em outro, Apodi cruzou e Arthur Caíke chutou para fora na pequena área. Nos minutos finais, o Tricolor perdeu Gum, com incômodo na panturrilha.

O Fluminense voltou do intervalo com Robinho no lugar de Marcos Jr, que saiu com dores na coxa esquerda. Aos quatro minutos, a Chapecoense descontou com Arthur Caíque, de falta. O Tricolor teve chances de ampliar, mas Robinho e Sornoza desperdiçaram. Os visitantes quase empataram com Canteros e Arthur, que obrigaram Júlio César a fazer duas grandes defesas, aos 21. No fim, porém, Pedro encerrou o sufoco ao marcar o terceiro, em mais um cruzamento de Gilberto: Fluminense 3 a 1.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, na quarta-feira (30), a equipe carioca visita o Grêmio, no Rio Grande do Sul, às 21h45.

 

Fluminense 3×1 Chapecoense

Estádio: Maracanã (Rio de Janeiro – RJ)

Árbitro: Rafael Traci (PR)

Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Rafael Trombeta (PR)

Fluminense: Júlio César; Renato Chaves, Gum (Nathan Ribeiro) e Luan Peres; Gilberto, Jadson, Richard e Marlon; Sornoza; Pedro (Aírton) e Marcos Júnior (Robinho). Técnico: Abel Braga

Chapecoense: Jandrei; Apodi, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral (Leandro Pereira), Elicarlos, Márcio Araújo (Nadson) e Canteros; Arthur Caike e Wellington Paulista (Bruno Silva). Técnico: Gilson Kleina

Cartões amarelos: Marlon (Fluminense); Bruno Pacheco (Chapecoense)

Gols: Pedro – Fluminense(21’/1º tempo), Marcos Jr – Fluminense (25’/1º tempo); Arthur Caíke – Chapecoense (5’/2º tempo), Pedro – Fluminense (41’/2º tempo)

Público: 13.165 pagantes e 14.541 presentes

Renda: R$ 395.375,00