Jogadores do Goytacaz recebem de atletas da Portuguesa a faixa de campeões da Série B1, no Arisão | Carlos Grevi

Goytacaz e Lusa ficam no zero em amistoso simbólico

Em um jogo-treino repleto de simbolismo, que marcava a reinauguração do gramado do Estádio Ary de Oliveira e Souza, em Campos, a entrega das faixas ao Goytacaz, time da casa, campeão da série B1, e a estreia dos novos uniformes do time campista e da Portuguesa, que homenageia Portugal, as duas equipes ficaram em um empate sem gol, na tarde deste domingo. O resultado, produto de um confronto pobre em chances de gol, em nada reduziu a animação do público, ansioso para o ver o retorno do azul e branco à Série A do Campeonato Carioca após 25 anos. As duas equipes se enfrentaram muitas vezes ao longo deste período na Segundona.

Com a instalação concluída há apenas 10 dias, o novo gramado do estádio já está em condições muito melhores do que as apresentadas na decisão da Série B1, contra o America, mas ainda longe do ideal: em diversos pontos, a grama ainda não cresceu e está rala. A falta de ritmo, compreensível pelo atual estágio de preparação para o início da temporada, mostrou que os preparadores físicos e treinadores ainda terão trabalho para deixar seus times prontos para a competição. Apresentados durante a semana pela Lusa, o volante Lucas Zen e o atacante Alexandro não participaram da atividade.

Marcio Carioca sofre com a marcação lusitana | Carlos Grevi
Marcio Carioca sofre com a marcação lusitana | Carlos Grevi

Os times mostraram muito empenho, mas deixaram a desejar no quesito técnico. Quem queria ver show, tinha que chegar cedo ao estádio. Na preliminar, o time de masters do Goytacaz venceu uma seleção de veteranos, formada por ex-atletas como Athirson, Zinho e Júnior Baiano, que ajudaram a divulgar o evento durante a semana na cidade, por 3 a 2.

O técnico Paulo Henrique, do Goytacaz, terá menos tempo para ajustes. O alvianil ainda disputará a primeira fase do Campeonato Carioca, na qual estreia dia 20 de dezembro, no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo, às 17h, contra o Macaé. A etapa acontece em turno único reúne seis clubes, que buscam as duas últimas vagas para a fase da competição. Também estão na briga America, Bonsucesso, Cabofriense e Resende.

A Portuguesa estreia no Campeonato Carioca contra o Botafogo. A partida acontecerá no Estádio Nilton Santos. A Ferj ainda vai confirmar se o duelo acontecerá dia 17 ou 18 de janeiro. O horário também ainda não está definido.