Marcos Júnior faz dois e Flu goleia o Bangu na estreia da Taça Rio

Marcos Júnior foi o grande destaque do Fluminense na goleada por 4 a 0 sobre o Bangu | Lucas Merçon (FFC)

Depois de nem se classificar para as semifinais da Taça Guanabara e passar por momentos de crise o Fluminense se recuperou na temporada na última semana com a classificação à terceira fase da Copa do Brasil, quando atropelou o Salgueiro-PE e estreou na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, na tarde desta quarta-feira (21) goleando o Bangu por 4 a 0, em jogo que foi realizado na Estádio de Moça Bonita. Marcos Júnior, com dois gols foi o grande nome do confronto pelo lado tricolor.

Com o triunfo a equipe das Laranjeiras lidera o Grupo C do segundo turno do Estadual com três pontos e quatro gols de saldo, enquanto o Bangu – semifinalista da Taça Guanabara-, sofreu apenas sua segunda derrota na competição e amarga a lanterna do Grupo B.

O primeiro lance de perigo do duelo veio do lado tricolor, aos oito minutos, e saiu dos pés do zagueiro Renato Chaves, que levantou bola na área e quase surpreendeu o goleiro Célio Gabriel, que cedeu o escanteio. A partir daí, o Fluminense tomou a iniciativa do jogo, procurou mais o gol, contudo teve dificuldade de infiltrar na área do Bangu, que apostava nos contragolpes e pouco criava.

Depois da parada técnica tanto o Alvirrubro da Zona Oeste, quanto o Tricolor das Laranjeiras melhoram em campo. Aos 33 minutos, Valdir foi à linha de fundo e cruzou na primeira trave. Gum não alcançou a bola e Almir apareceu livre na altura na pequena área, para cabecear, mas a bola saiu por cima do gol de Júlio César. Quatro minutos depois Sornoza cobrou falta, Gum cabeceou para o meio da área e Pedro subiu com o goleiro Célio Gabriel, mas cabeceou para fora.

Já nos acréscimos, aos 46, o zagueiro Michel derrubou Gilberto na entrada da área, fez a falta e recebeu o cartão vermelho deixando o Bangu com um jogador a menos em campo. Na sequência do lance, Sornoza cobrou a falta com perfeição e Célio Gabriel fez ótima defesa evitando o primeiro gol do jogo, no que foi o último lance de perigo da primeira etapa.

Apesar da boa campanha no Estadual, o Bangu foi presa fácil para o Fluminense na tarde desta quarta-feira (21) | Lucas Merçon (FFC)

Com a vantagem numérica a seu favor, o Fluminense voltou para a segunda etapa partindo para cima do adversário. Aos dois minutos, Marlon avançou com a bola dominada pela esquerda, cruzou na área e o baixinho Marcos Júnior subiu como um centroavante para cabecear e fazer 1 a 0 para equipe das Laranjeiras. Abatido com o gol sofrido e com dificuldades já que jogava com dez, o Bangu nem teve tempo de respirar e viu Marcos Júnior fazer mais um para o tricolor em poucos minutos.

Aos seis, Gilberto brigou pela bola na entrada da área e ela sobrou para o camisa 35, que driblou o zagueiro Oliveira, ajeitou para a canhota e colocou no canto direito, sem chances para o goleiro Célio Gabriel: Fluminense 2 a 0 em Moça Bonita. Mesmo depois de fazer dois gols rápidos, o time do técnico Abel Braga não deixou o ritmo cair e aproveitou as bobeadas da zaga do Bangu para ampliar o marcador após a parada técnica.

Aos 29, Sornoza recebeu a bola de Marlon e, de primeira, deu passe em profundidade para Robinho na ponta esquerda. O atacante bateu para o gol e, no rebote do goleiro Célio Gabriel, Pedro só empurrou para o fundo das redes e fez o terceiro do Flu na partida. Sem conseguir esboçar uma reação, o Alvirrubro de Moça Bonita sofreu mais um gol do tricolor já nos minutos finais.

Marlon Freitas infiltrou na área, recebeu passe sensacional do lateral-esquerdo Marlon, dominou a bola e colocou no ângulo esquerdo sem dar chances para Célio Gabriel e transformou o placar da partida em goleada: Fluminense 4 a 0 e estreia com pé direito no segundo turno do Estadual.

Agora, o Fluminense se prepara para enfrentar o Flamengo no clássico da segunda rodada da Taça Rio, que será realizado no próximo sábado (24), às 17h, na Arena Pantanal, em Cuiabá. Já o Bangu, vai até o Estádio Moacyrzão no mesmo dia, para enfrentar o Macaé às 16h30min.

Bangu 0x4 Fluminense

Estádio de Moça Bonita (Rio de Janeiro – RJ)

Árbitro: Daniel de Sousa Macedo

Assistentes: Luiz Antonio Muniz de Oliveira e Millena Cristiana Barros Santos

Bangu: Célio Gabriel; Valdir, Oliveira, Michel e Guilherme; Magno e Rodney; Almir (Anderson Penna), Everton Sena e Léo Jesus (Marcos Júnior); Nilson (Anderson Lessa). Técnico: Alfredo Sampaio.

Fluminense: Júlio César; Renato Chaves (Renato Chaves), Gum e Ibañez; Gilberto, Richard (Reginaldo), Jadson, Sornorza e Marlon; Marcos Júnor (Marlon Freitas) e Pedro. Técnico: Abel Braga.

Cartões amarelos: Nilson e Rodney (Bangu).

Cartões vermelhos: Michel (Bangu)

Gols: Marcos Júnior, – Fluminense (02/2º tempo); Marcos Júnior – Fluminense (07/2º tempo); Pedro – Fluminense (29/2º tempo); Marlon Freitas – Fluminense (40/2º tempo)

Público e Renda: Não foram divulgados