PFC é sucesso de público, lutas e solidariedade no Município de Magé

Um evento que ficará na história de Magé e seus inúmeros distritos.

Assim foi a segunda edição do PFC em Fragoso Alegria, o ginásio Poliesportivo Jair Correia ficou pequeno para tamanha energia.

Teve banda marcial, presença das principais autoridades do município, lutas emocionantes, um grande público e o principal, solidariedade.

Banda Marcial. (Foto: Cristiano Martins)

Foram arrecadados cerca de 3 toneladas de alimentos não perecíveis que serão doados a instituições de caridade dos distritos mageenses.

Os destaques dentro do octógono foram as lutas entre André Negão e Douglas “Veneno” emocionante no tempo regulamentar e decidida no detalhe no Tie Brake, Negão conseguiu pressionar e achou uma bonita queda que decidiu a luta pelas regras acordadas.

 

Porém, o ponto alto da noite ficou para a disputa de cinturão entre o até então campeão Michel “Russo” e Emanuel “Buldoguinho” decidida em uma finalização ao estilo Luta Livre de ser.

A luta foi marcada por incertezas, o até então campeão, não bateu o peso e perderia o cinturão de qualquer maneira, porém, existia um acordo para que a luta acontecesse, Michel “Russo” não poderia ultrapassar 67 kg na hora da luta, o que infelizmente não ocorreu.

Todos reunidos no vestiário e depois de muito debate o treinador Beto Padilha pois fim ao problema, acertando financeiramente a peleja com uma multa na bolsa de Michel e a luta aconteceu.

Nervos acirrados, a luta começou elétrica com troca França de golpes, Michel tentou um Superman Punch usando a grade como apoio, porém, em seguida recebeu um contra golpe, com o TKO, a luta se desenrolou no solo com algumas trocas de posições, até que em uma troca de chaves, “Buldoguinho” levou a melhor e encerrou o combate, sagrando-se o novo campeão peso galo do evento.

Piabetá Fight Combat

08 de Dezembro 2018

Ginásio Poliesportivo Jair Correia – Piabetá – RJ

Resultados completos

Muay Thai até 48 kg

Jéssica Almeida venceu Micaela Barbosa por decisão unânime

MMA amador 47 kg

Kauê Guimarães venceu Kainan Dario por decisão unânime

Muay Thai até 67 kg

Jeferson Rocha venceu Gabriel Ribeiro por nocaute técnico

MMA amador até 47 kg

Kauan Guimarães venceu Elias Barbosa por decisão unânime

Muay Thai até 55 kg

Christofer Henrique venceu Lucas Henrique por decisão unânime

K1 até 56 kg

Bruno Santos venceu Felipe Lobo por decisão unânime

Submission até 77kg

Patrick Ox venceu Jonatan “Papai” por finalização (Triângulo de mão) no Primeiro Round

Muay Thai até 80 kg

Júlio César venceu Jorreliton “Lelo” Alves por decisão unânime

K1 até 47 kg

Mayra Fernandes venceu Ângela Ramalho por decisão unânime

MMA Profissional até 120 kg

Kaique Monstro venceu Júnior Montanha por TKO aos 1:21 do 3° round

MMA Profissional até 120 kg

Wesley “Mosquito” venceu Rodolfo “Dolfão” por finalização (triângulo de mão) aos 2:49 do 1° round

Submission até 100 kg

André Negão venceu Douglas “Veneno” por pontuar no tie brake (Queda)

MMA Profissional até 77 kg

Israel Campos venceu Carlos Kilendembo por finalização (Armlock) aos 1:56 do 1° Round

Disputa de Cinturão até 61 KG (Peso Galo)

Emanuel “Buldoguinho” venceu Michel “Russo” por finalização (Chave de Calcanhar) a 1:36 do 1° round

Disputa de cinturão até 66 kg (Peso Pena)

Maicon Teófilo venceu Rafael Vinícius por finalização (armlock aos 0:56) do 2° round