Nathan celebra gol contra a Chapecoense: boas atuações no Nova Iguaçu renderam transferência para o Corinthians | Bernardo Gleizer/Nova Iguaçu

Rio terá oito representantes na Copa São Paulo de Futebol Júnior

Nathan celebra gol contra a Chapecoense: boas atuações no Nova Iguaçu renderam transferência para o Corinthians | Bernardo Gleizer/Nova Iguaçu
Nathan celebra gol contra a Chapecoense: boas atuações no Nova Iguaçu renderam transferência para o Corinthians | Bernardo Gleizer/Nova Iguaçu

Serão os mesmos clubes que disputaram a edição de 2017

A Ferj confirmou nesta quinta-feira que o Rio de Janeiro terá oito representantes na Copa São Paulo de Futebol Júnior. É o mesmo número da edição deste ano, e nem mesmo os representantes mudaram: Além dos quatro grandes, participantes cativos da competição, Boavista, Madureira, Nova Iguaçu e Volta Redonda buscarão trazer o título para o estado.

O quarteto não teve facilidades na edição deste ano. Destes, apenas o Nova Iguaçu passou da primeira fase, mas foi eliminado logo no primeiro mata-mata, pelo Capivariano-SP. A boa campanha rendeu negociações para o primeiro clube formador do estado: o meia Ramon e o atacante Nathan foram emprestados ao Corinthians, onde atuam no time Sub-20.

O presidente Jânio Moraes celebrou o convite e reforçou a importância do evento para o clube.

– É motivo de muita alegria receber esse convite. Para o nosso trabalho de formação, a participação na Copa São Paulo é fundamental, é uma experiência muito enriquecedora para os nossos atletas.  – afirma.

Coordenador das divisões de base do Madureira, o ex-goleiro Cléber Moura também mostrou entusiasmo com a participação do clube da Rua Conselheiro Galvão.

– É muito importante para a gente disputar a Copinha. É uma visibilidade muito grande. A gente consegue colocar o nome do Madureira e os nossos jogadores na vitrine do cenário nacional. É uma oportunidade para a gente poder consolidar o trabalho da base do Madureira nacionalmente. Estamos muito felizes e vamos trabalhar muito forte para fazer uma Copa São Paulo de 2018 muito proveitosa – promete.

Diferentemente do que vinha sendo especulado, o Tigres do Brasil está fora da competição. No entanto, a Fera da Baixada celebrou um acordo com a Inter de Bebedouro-SP,  e emprestará atletas para o clube do interior paulista.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) ainda não divulgou os demais participantes e nem mesmo os grupos da competição, que começa em janeiro e, tradicionalmente, tem sua final disputada no dia 25, data que celebra o aniversário da cidade de São Paulo.