Vadão reestreia no comando da seleção feminina com vitória sobre o México

Jogadoras celebram um dos gols que garantiram a vitória da seleção brasileira na estreia | Fernanda Coimbra/CBF
Jogadoras celebram um dos gols que garantiram a vitória da seleção brasileira na estreia | Fernanda Coimbra/CBF
Jogadoras celebram um dos gols que garantiram a vitória da seleção brasileira na estreia | Fernanda Coimbra/CBF
Jogadoras celebram um dos gols que garantiram a vitória da seleção brasileira na estreia | Fernanda Coimbra/CBF

Equipe inicia bem a disputa da Copa CFA, na China

A seleção brasileira de futebol feminino venceu o México por 3 a 0, na manhã desta quinta-feira, na estreia na Copa CFA, na China. A competição acontece no Youngchuan Sports Center Stadium, em Chongqing. Apesar dos bom desempenho da equipe, as atenções estavam voltadas para o banco de reservas, onde reestreava o técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão.

De volta à seleção, Vadão se viu envolvido em polêmica nas últimas semanas, pois jogadoras experientes não concordaram com a saída da antecessora Emily Lima, o que levou atletas como Cristiane e Maurine a decidirem se aposentar da equipe, forçando o agora comandante a reestruturar a lista das selecionáveis e a acelerar o processo de renovação.

O JOGO

O equilíbrio marcou os primeiros 45 minutos de partida. Pelo lado mexicano, as investidas em velocidade de Stephany e Charlyn levaram perigo à meta da goleira Bárbara, que foi obrigada a fazer boas defesas. Já o Brasil esteve perto de abrir o placar com a Thaisinha, mas o gol não saiu e a primeira etapa terminou em igualdade.

As brasileiras voltaram melhor na etapa final, e o gol saiu logo nos primeiros minutos. Marta recebeu o passe de Thaisinha, tentou a finalização, mas a defesa mexicana conseguiu cortar. Na volta, a camisa 10 do Brasil, tirou da goleira e inaugurou o marcador em Chongqing. No lance do gol, a arqueira mexicana sofreu uma lesão e teve que ser substituída. Minutos depois, Marta cobrou a falta e Bruna cabeceou, para encobrir a camisa 12.

Ainda houve tempo para o terceiro. Após disputa de Bia com a defesa adversária, a atacante brasileira dominou e chutou forte para fechar o placar. As mexicanas ainda buscaram uma reação nos contra-ataques, e viram sua camisa 10 desperdiçar uma cobrança de pênalti, chutando para fora. No próximo sábado, às 6 horas (de Brasília), a seleção brasileira volta a campo para encarar a Coreia do Norte, na sequência da Copa CFA da China.