Vasco marca no fim e vence o Atlético-MG de virada pelo Brasileirão

Vasco venceu o Galo, de virada, com gol nos acréscimos e abriu o Brasileirão com vitória | Paulo Fernandes (CRVG)

Os pouco mais de sete mil torcedores presentes em São Januário foram testemunhas de um grande jogo. Na tarde deste domingo (15), na estreia no Brasileirão, Victor até tentou sair de campo como herói: parou o Vasco com defesas difíceis, viu a trave salvar no primeiro tempo e até Otero colocar o Atlético-MG em vantagem. Porém, a reta final presentou a valentia do time de Zé Ricardo: aos 40, Wagner balançou a rede, e Pikachu, em pênalti duvidoso, decretou o 2 a 1 de virada aos 53 minutos.

O Vasco começou melhor e logo assustou com Pikachu, que acertou a trave aos 10. Dois minutos depois, o Atlético-MG respondeu com Otero, que arriscou de longe e mandou no ângulo sem chances para Martín Silva: Galo 1 a 0. O lance pegou o time vascaíno de surpresa, e o time mineiro aproveitou para chegar ao ataque. O destaque ficou para as boas defesas dos goleiros.

O segundo tempo da partida foi marcado pela pressão do Vasco, que empatou só aos 40, quando Wagner aproveitou um rebote e bateu rasteiro no canto de Victor, que não pode fazer nada. A virada veio em um pênalti polêmico aos 52. Rildo recebeu lançamento, entrou na área e foi derrubado. Os jogadores do Atlético-MG reclamaram muito de simulação, mas o juiz ignorou. Na cobrança, Pikachu bateu com categoria dando números finais ao confronto: 2 a 1 Vasco.

Na segunda rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco -que nesse momento ocupa a quinta colocação na tabela de classificação- enfrentará a Chapecoense, no domingo (22), às 16h, na Arena Condá, em Chapecó. Contudo, antes disso, o time Cruzmaltino tem um duelo importantíssimo pela terceira rodada do Grupo 5 da Copa Libertadores, na quinta-feira (19), às 19h15, na Argentina, contra o Racing.