Vinicius Ferreira busca título mundial para coroar grande fase

Atleta busca o lugar mais alto do pódio na Pirâmide de Long Beach

Atleta de apenas 20 anos, Vinicius Ferreira já surge como um dos mais promissores atletas de Jiu-Jitsu da modalidade no Brasil. Faixa-marrom, o lutador foi coroado pelo ouro que conquistou no Campeonato Brasileiro, realizado em Barueri no fim do último mês na categoria super-pesado. Inspirado por grandes estrelas da arte suave, o lutador contou como começou no esporte:

– Entrei no Jiu-Jitsu para perder peso quando eu tinha 14 anos. Foi bem legal, no meu terceiro mês de treino eu competi eu consegui o segundo lugar. Com isso fui me animando e é onde estou até hoje, apaixonado pelo esporte que faço, tendo como um dos maiores ídolos o Rodolfo Vieira e o Marcelo Garcia, pelo estilo deles lutarem.

Também conhecido como “Trator”, o atleta faz parte da reconhecida equipe Alliance, time de outros grandes nomes do Jiu-Jitsu mundial. Em grande fase na carreira, Vinicius ainda sente falta do conhecimento da grande mídia, que por várias razões acaba deixando o Jiu-Jitsu brasileiro de lado para dar espaço a outros esportes:

– Acho que ainda falta melhorar muito para ficar bom, o reconhecimento é mínimo. No Brasil se você falar de esporte as pessoas só conhecem futebol. Acho que a mídia poderia dar uma oportunidade para o Jiu-Jitsu como é em Abu Dhabi. O Jiu-Jitsu é brasileiro e o próprio brasileiro não conhece.

Focado em conquistar o título mundial pela faixa-marrom, o atleta quer o lugar mais alto do pódio no torneio que acontece entre o fim de maio e começou de junho na Pirâmide de Long Beach, na Califórnia. Embalado tanto pela conquista do Rio Open, onde faturou três medalhas de ouro, quanto pelo triunfo no Brasileiro, Vinicius falou sobre a motivação de lutar no Mundial da IBJJF:

– Tenho uma grande carreira até então, mas ainda é pouco para o que eu almejo. Minha motivação é amar o que faço, me sinto realizado. Quando paro para pensar de onde eu comecei e onde estou, acredito que ainda é pouco em relação ao que eu quero. Isso me motiva muito e sei vou realizar os meus objetivos, tanto na vida, quanto no Jiu-Jitsu – finalizou Vinicius.